Nenhum comentário

Ergonomia no trabalho – Como ela aumenta a produtividade

No Brasil, é comum que os funcionários passem cerca de oito horas ou mais por dia no ambiente de trabalho. Ou seja, muitas vezes, ele permanece mais tempo dentro da empresa onde atua do que em seu lar. Por isso, se preocupar com ergonomia no trabalho pode ser um diferencial importante para empresas que desejam se tornar mais produtivas e crescer no mercado.

É preciso que a empresa dê a devida atenção ao conforto e ao bem-estar dos funcionários para que estes se sintam seguros e estejam dispostos, bem como motivados para realizar da melhor maneira suas atividades.

Aplicar procedimentos ergonômicos é tão importante que, para garantir seu cumprimento, existem até mesmo uma Norma em vigor. Porém, muito antes de pensar nessas normas, o empregador deve entender que fornecer as condições ideais de trabalho é bom não apenas para os empregados, mas também para o seu negócio.

Veja nesse artigo tudo sobre a ergonomia no trabalho e como ela afeta diretamente na produtividade dos funcionários e, consequentemente, os lucros da empresa.

O que é ergonomia no trabalho?

Ergonomia é uma palavra que deriva do grego, onde encontramos ergon, que significa trabalho, e nomos, que significa normas. Dessa forma, como o próprio nome sugere, ergonomia no trabalho corresponde a ciência que estuda as condições de trabalho.

Em nosso país ela é regulamentada pela NR-17, do Ministério do Trabalho. E na prática, a ergonomia no trabalho desenvolve soluções com o objetivo de deixar o ambiente profissional o mais compatível possível com a atividade realizada e as características dos seres humanos.

Com isso, é possível diminuir as doenças de trabalho causadas pela exposição às situações que tragam riscos ergonômicos à saúde física e mental do trabalhador, como: 

  • Esforços repetitivos;
  • Levantamento de peso;
  • Postura inadequada;
  • Trabalho realizado por muito tempo em pé.

Tipos de ergonomia no trabalho

A ergonomia, assim como boa parte das ciências, é classificada de acordo com suas áreas de atuação e contribuição. As três principais são:

Ergonomia física

Neste tipo, são analisados tópicos como postura no trabalho, bem como a existência de movimentos repetitivos e os materiais manuseados, com o intuito de evitar possíveis problemas musculares e na estrutura óssea do trabalhador. 

Ergonomia organizacional

Esse é um tipo de ergonomia que analisa as estruturas organizacionais, assim como o trabalho realizado em equipe, a organização temporal e a gestão de qualidade, com o objetivo de melhorar o clima organizacional e garantir o bem-estar do funcionário.

Ergonomia cognitiva

Estuda basicamente a carga mental exigida para o desempenho das atividades, os processos de tomada de decisão e outras questões que influenciam o nível mental dos trabalhadores, com o objetivo de diminuir o estresse no ambiente de trabalho.

Benefícios da ergonomia no trabalho

Para mostrar o quanto aplicar a ergonomia no trabalho é importante e impacta diretamente nos resultados da empresa, separamos abaixo algumas vantagens em sua utilização. Confira:

1.    Reduz problemas de saúde e faltas

Zelar pela saúde de seus funcionários diminui a chance de acidentes e doenças, e isso impacta diretamente na quantidade de faltas e atrasos e, consequentemente, no orçamento da empresa.

2.    É um jeito de mostrar que o profissional é valorizado

Proporcionar boas condições de trabalho faz com que os funcionários se sintam mais motivados para realizar suas atividades e crescer dentro da empresa. Isso se reflete na retenção de bons profissionais, o que garante uma vantagem competitiva diante das empresas concorrentes.

3.    Passa uma melhor imagem para os clientes

Quando entramos em ambientes cujo o layout foi aprimorado devido aos cuidados com a ergonomia, logo se nota o cuidado bem como o respeito que a empresa tem com os funcionários. Esse tipo de ambiente promove uma boa imagem coorporativa que encanta os clientes e aumenta suas chances de fechar negócio.

4.    Você vai estar seguindo a lei

Se ainda não estiver convencido aqui vai algo que talvez te faça mudar de ideia. Saiba que qualquer empresário deve se preocupar com a ergonomia no trabalho, segundo a NR-17. Caso você não atenda aos parâmetros da norma você pode sofrer processos trabalhistas.

Como a ergonomia no trabalho aumenta a produtividade?

Como você deve saber, os níveis de produtividade de uma equipe dependem de diversos fatores. E como é de se esperar, os empresários que investem em ergonomia já notaram que ela está diretamente relacionada a eficiência da equipe.

Isso porque, quando as atividades são desenvolvidas em ambientes ideais há a tendência de diminuição dos erros, já que os profissionais estão mais atentos e comprometidos com a empresa.

Além disso, em ambientes favoráveis, a criatividade é estimulada e os funcionários tem a capacidade de resolução de problemas aumentada e também se tornam capazes de realizar mais coisas durante o mesmo período de tempo.

O que fazer para melhorar a ergonomia no trabalho 

Agora você já sabe o que é ergonomia no trabalho, quais seus tipos assim como os principais benefícios de aplica-la na sua organização. Veja a seguir o que fazer para melhorar a ergonomia na sua empresa:

  • Verificar se a iluminação dos ambientes está adequada para a atividade realizada nele;
  • Fazer o possível para evitar que os funcionários fiquem por muito tempo na mesma posição assim como ensiná-los qual seria a melhor acomodação;
  • Promover, como acontece nas grandes empresas, pausas estratégicas durante o expediente para a realização de ginásticas laborais a fim de garantir a saúde física e mental dos colaboradores;
  • Obedecer a carga horária recomendada, já que o trabalho em excesso pode ser um tiro no pé da produtividade uma vez que leva o empregado a altos níveis de estresse e diminuem seu desempenho;
  • Adotar o mobiliário bem como o layout mais ergonômico possível, com o objetivo de deixar o funcionário confortável durante expediente de trabalho;
  • Garantir que os equipamentos necessários para a realização das atividades estão tão ajustados quanto possível para os trabalhadores que precisam utiliza-los. 

E então, gostou das dicas? Agora você já sabe tudo sobre ergonomia no trabalho e como ela pode proteger a saúde e aumentar a produtividade dos seus funcionários. Não deixe de aplicar as dicas desse artigo e desfrute de todos os benefícios que a ergonomia é capaz de oferecer a sua equipe e empresa!

Você também pode gostar

Você também pode se interessar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu
Fale com um consultor