Segurança do trabalho e produtividade andam de mãos dadas

Trabalhadores com capacete de segurança

Embora a segurança às vezes seja percebida como um obstáculo às operações, pesquisas mostram que um local de trabalho mais seguro resulta em uma força de trabalho mais produtiva.

No último ano louco, as empresas aprenderam muitas lições importantes – algumas, da maneira mais difícil.

A partir dessas muitas lições que ainda estamos vivenciando, gerentes e supervisores viram como estratégias de segurança do trabalho aplicadas de maneira contínua e bem planejadas afetam a produtividade e a qualidade do trabalho. No entanto, é um grande equívoco pensar que a segurança no local de trabalho e a produtividade são questões exclusivas e, para que uma área receba o benefício, a outra deve ser impactada negativamente. A realidade é que segurança e produtividade se complementam.

Quando a gestão da segurança do trabalho é eficiente, consequentemente observa-se melhoras na produtividade.

De acordo com um estudo recente da Occupational Health Science , “a segurança e a saúde dos funcionários são de primordial importância, pois ambas são elementos-chave para alcançar a produtividade e eficiência desejadas por uma organização”. Além disso, de acordo com um artigo da Automation World, “as empresas precisam ver a segurança do trabalho e a produtividade como objetivos a serem alcançados juntos, em vez de ‘segurança primeiro’ depois da produtividade”.

Quando um local de trabalho é um ambiente que aparenta ser inseguro, pode resultar em colaboradores menos motivados e conscientes, insatisfeitos e infelizes com seu trabalho. A má gestão da segurança do trabalho pode não só colocar a segurança dos membros da equipe em risco, mas também a continuidade das operações e a produtividade.

Quando a segurança do trabalhador é tratada como uma prioridade e há a implementação de uma cultura de bem-estar no ambiente de trabalho, os colaboradores podem se concentrar na qualidade de seu trabalho, em vez da preocupação e estresse que vêm com ambientes de trabalho potencialmente perigosos. Um estudo recente da Science Direct descobriu que as condições físicas e psicossociais no trabalho afetam diretamente a segurança, a saúde e o bem-estar do trabalhador e “influenciam os resultados da empresa, como excesso de turnover, absenteísmo, produtividade e custos com a saúde”.

Portanto, agora que você está ciente da ligação entre segurança do trabalho e produtividade, como pode utilizar esse conhecimento em benefício de sua equipe e organização?

Cada equipe e organização são diferentes, mas existem algumas etapas gerais que podem ser executadas em qualquer setor para beneficiar todos os funcionários. Embora a mudança organizacional exija tempo e paciência, o primeiro passo importante é implementar algum tipo de estrutura que apoie e promova a segurança no local de trabalho.

Treinamento

Os treinamentos de segurança do trabalho – mesmo online – incentivam e facilitam o engajamento e a conexão entre gestores e colaboradores, fortalecendo assim a dinâmica pessoal e profissional em vários níveis. Nem todo novo protocolo de segurança exigirá uma sessão de treinamento ou palestras. No entanto, quando você está introduzindo uma nova prática ou política de segurança importante, pode ser necessário a aplicação do treinamento.

Segurança Física e Psicológica

Quando se trata de segurança no local de trabalho, a conversa tende a gravitar em torno dos riscos físicos à segurança e como mitigá-los. Mas devido ao amplo isolamento e solidão causados pela pandemia, os gestores de segurança e saúde do trabalho precisaram estar mais atentos sobre como apoiar o bem-estar mental e emocional dos colaboradores, o que afeta sua segurança física, bem como a produtividade de seu trabalho.

A American Psychiatric Association Foundation estima que US $ 44 bilhões em produtividade são perdidos a cada ano para funcionários com depressão.

Depressão, solidão e outros problemas de saúde mental aumentaram muito nos últimos 18 meses; e devido a isso os gestores precisaram se ater a isso cada vez mais. Existem vários recursos que podem ser fornecidos para melhorar a saúde mental e o gerenciamento do estresse no local de trabalho. A saúde mental entre os colaboradores também é mais forte quando eles estão envolvidos com a segurança de si próprios e de seus colegas de trabalho.

Um departamento de segurança do trabalho ativo está constantemente mantendo os trabalhadores conectados e cientes de quaisquer perigos ou riscos potenciais. Estender a mão aos funcionários regularmente fortalece os relacionamentos e pode resultar em melhor desempenho porque os funcionários se sentem valorizados, o que também pode ajudar a aumentar a retenção da força de trabalho.

Cultura de Segurança

Com o avanço e disseminação cada vez maior de informações, as empresas estão mais conscientes dos riscos à segurança que suas equipes enfrentam. Mesmo que a cultura de segurança de cada organização seja única, as mais fortes criarão um ambiente de trabalho onde a equipe se sinta confortável para falar sobre quaisquer riscos potenciais à segurança sem medo de retaliação; a equipe deve ser encorajada a expor suas preocupações de segurança e até mesmo recompensada por isso. Uma forte cultura de segurança e bem-estar pode beneficiar a produtividade e a qualidade do trabalho em uma organização.

Conclusão

É claro que um ambiente de trabalho seguro traz uma série de benefícios impactantes, incluindo aumento da capacidade e qualidade do trabalho, além de melhoria do bem-estar e da cultura corporativa, porque os trabalhadores estarão mais engajados em seu trabalho e também em seus colegas de trabalho.

Segurança e produtividade são duas peças importantes de um quebra-cabeça maior que engloba uma equipe prolífica e feliz que produzirá um trabalho melhor como resultado. Embora isso possa não acontecer da noite para o dia, ao focar nessas questões, você pode capacitar e envolver os funcionários para melhorar constantemente a segurança no local de trabalho e, simultaneamente, aumentar sua produtividade.

Especialistas em SST

Para que as Normas Regulamentadoras e as melhores práticas de segurança do trabalho sejam implantadas com qualidade, não adianta apenas observar a legislação: é preciso contar com o apoio de quem é especialista nesse assunto.

A Contrei está desde 1981 no mercado de Segurança e Saúde do Trabalho e podemos ajudar sua empresa, fornecendo as melhores soluções em SST.

Clique aqui e fale com um de nossos especialistas.

Você também pode gostar

Você também pode se interessar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu