Setembro amarelo: quais cuidados são essenciais para manter a sua equipe saudável

Desde de 2014, o mês de setembro foi escolhido pela Associação Brasileira de Psiquiatria – ABP, em parceria com o Conselho Federal de Medicina – CFM, como um período de conscientização sobre os cuidados com a saúde mental e prevenção ao suicídio, conhecido também como setembro amarelo.

Todos os anos, um lema diferente é definido, pautando a campanha durante todo o período. Em 2022, o tema escolhido foi “A vida é a melhor escolha!”.

A iniciativa surge de dados alarmantes:

  • Segundo a última pesquisa da Organização Mundial da Saúde – OMS, feita em 2019, são registrados anualmente mais de 700 mil suicídios em todo o mundo;
  • Somente no Brasil, os registros ultrapassam 14 mil casos anuais.

Desses casos, praticamente todos estão relacionados a doenças mentais como depressão, dependência emocional, transtorno de ansiedade e outros, não diagnosticados ou tratados de forma incorreta.

Diante disso, o setembro amarelo precisa ser mais que mera formalidade no calendário das empresas. É papel do RH e dos gestores em geral estarem atentos a um problema tão recorrente em nossa sociedade e ajudar a conscientizar sobre essas doenças mentais e formas de lidar e combater o problema.

Veja também: Construindo resiliência: saúde mental e bem-estar no local de trabalho

Como abordagens contra a ansiedade podem melhorar a saúde mental no local de trabalho

10 dicas para lidar com o estresse

Assim, para lidar com o tema no ambiente corporativo, algumas ações podem ajudar. Citamos algumas que você pode adotar na sua empresa. Continue a leitura e entenda.

Implementar ouvidoria interna ou setor de psicologia

Muitas pessoas que sofrem com doenças mentais não possuem condições de pagar um psicólogo ou psiquiatra, ou mesmo têm vergonha de falar sobre o problema abertamente, já que ainda é um tabu para muita gente.

Por isso, disponibilizar um setor, com um profissional qualificado para ouvir os colaboradores sobre problemas do trabalho ou pessoais, pode ajudar a diminuir níveis de estresse e até resolver conflitos no ambiente laboral. 

Cuidar da cultura organizacional e clima

É fato que passamos mais tempo no ambiente de trabalho do que em casa. Portanto, estar em um local mais feliz e saudável, com espaço aberto para feedbacks, contribui muito para a saúde mental da equipe e consequentemente para maior engajamento e produtividade.

Ter programas de bem-estar físico e mental

Programas de bem-estar são uma excelente opção para informar, engajar e cuidar da equipe.

Eles podem envolver eventos corporativos com palestras, treinamentos, atividades físicas e outras que estimulem o relaxamento do profissional, proporcionando momentos de descontração e informação em conjunto.

Implementar campanhas de conscientização e autocuidado

Informar é sempre uma das melhores formas de cuidar! Por isso, busque e dissemine as informações corretas a respeito do assunto, não só durante o Setembro Amarelo, mas todo o ano.

É importante também indicar ajuda especializada, como o CVV (Centro de Valorização da Vida), canal que presta apoio emocional voluntariamente, por e-mail, telefone ou chat.

A Contrei oferece palestras de saúde e treinamentos para a sua empresa, além de possuir atendimento em clínicas a nível nacional para cuidar da saúde física e emocional da sua equipe.

Conte com quem entende de Segurança do Trabalho, Medicina do Trabalho e Ergonomia do Trabalho para ajudar sua empresa a atender a todas as exigências do eSocial. Fale conosco: (31) 3228-2252 ou comercial@contrei.com

Você também pode gostar
Saúde

Você também pode se interessar

Menu